Hepatite Zero

Este projeto, inicialmente visava testes aleatórios de hepatite C nas áreas de alto tráfego de pessoas. Posteriormente foi expandido com a participação de outros clubes tendo nos últimos 5 anos feito mais de 1 milhão de testes com detecção de cerca de 14% de positividade, cujos pacientes foram encaminhados para tratamento. A hepatite C é uma doença silenciosa que, caso não tratada leva o doente ao transplante ou a morte. O Brasil tem hoje cerca de 700.000 pessoas com hepatite C detectada em tratamento. Tornou-se um projeto permanente do Clube e foi considerado a maior campanha de saúde pública realizada por uma organização não governamental, sendo adotado por quase uma centena de Países, principalmente da África.